20 de outubro de 2012

VALOR DA PESSOA

Muitos perguntam qual o dia em que haverá paz e felicidade na Terra, porém se esquecem de que enquanto houver o sentimento de orgulho e egoísmo dentro de nós, e, não fizermos ao próximo aquilo que gostaríamos que fizessem por nós, esse dia se tornará muito distante. Enquanto não houver a solidariedade, o amor ao próximo, naquele sentido que Jesus nos ensinou um dia, haverá a dor, a mágoa, o ressentimento, a revolta e assim por diante. Temos duas opções na vida: aprender pelo amor ou pela dor, cabendo a nós, pelo nosso livre arbítrio e consciência, fazermos nossas escolhas. Não nos esqueçamos de que não vivemos sozinhos e que necessitamos uns dos outros para vivermos, pois fazemos parte do Universo. Estamos aqui para nos completarmos. Como desenvolvermos a prática de nossas virtudes sem convivermos com o próximo? E que sensação maravilhosa que sentimos quando podemos auxiliar alguém, ou quando somos auxiliados num momento de dificuldade. Ainda não conseguimos perceber que quando proporcionamos alegria aos outros, somos os maiores beneficiários. Procuremos amar daquele jeito simples que o Mestre Jesus nos ensinou com os seus exemplos. Amar simplesmente por amar, sem cobranças e sem julgamentos. Aceitemos o nosso próximo com os seus defeitos, com as suas dificuldades, e tendo sempre no coração aquele sentimento de nos colocarmos no lugar do outro, para que possamos entendê-lo e ajudá-lo dentro do que nos for possível. Lembremo-nos de que o nosso valor não se mede pelo que temos, pelos bens transitórios, pelo sucesso passageiro. O nosso valor se constitui naquilo que somos, ou seja, naquilo que conquistamos moralmente. Vamos agir como o bom samaritano, estendendo as nossas mãos aos caídos, não importando quem seja, mas tendo em mente que somos todos irmãos, filhos de um mesmo Criador, que nos ama igualmente!!!(Gotas de Paz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário