30 de julho de 2011

PACIÊNCIA COM AS PESSOAS DIFÍCEIS

Sejamos pacientes com aqueles que nos ferem,
nos ofendem e nos humilham.
Se convivemos com alguém, que nos causa dor,
sofrimento e transtornos, não nos desesperemos.
Procuremos manter a calma,
e roguemos ao Pai misericordioso a força,
a paciência e a coragem para superarmos,
os sentimentos de amargura,
e revolta que queiram invadir o nosso ser.
Não é por acaso que pessoas se unem numa mesma família.
São os parentes difíceis que nos ajudam,
a exercitarmos as nossas virtudes, especialmente a paciência.
A paciência é sentimento nobre,
que nasce do amor pelos nossos semelhantes.
Deus nosso Pai coloca essas pessoas difíceis,
ao nosso lado, porque confia em nós,
e nos utiliza como instrumentos de auxílio a esses irmãos.
Porém, os maiores beneficiados seremos nós mesmos,
pois estaremos crescendo e evoluindo,
ao aprendermos a lidar com as dificuldades.
Não podemos nos esquecer de que somos todos filhos de um mesmo Pai,
amoroso, bom e justo, que nos ama infinitamente e da mesma forma.
Compreendamos as dificuldades por que passam esses irmãos,
ainda no início da estrada da vida, auxiliando-os como pudermos,
para que um dia possam ter o entendimento de que somente com o amor,
encontraremos a felicidade e a paz que tanto buscamos.(Gotas de Paz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário